Slider[Style1]

Style6

Style3[OneLeft]

Style5[ImagesOnly]



Vitória escapa devido a uma rodada, mas quebra de Ebel ainda no grid garante título de Padron; de forma incrível, Tubino vence nos metros finais última etapa da temporada.

A etapa decisiva que marcou o fim da temporada 2014 do Campeonato Paulista de F1600 não poderia ter sido mais emocionante: empatado em pontos com Daniel Ebel (TJ Motors), Emilio Padron (EF Preparações) cravou a pole position na manhã de sábado com o tempo de 2min00s113, seguido por Thiago Felippe (Thomaz Racing) e João Tubino Neto (San Race); Ebel largaria na 6ª colocação.

Já no grid de largada Ebel com problemas no seu carro n° 32 vê a chance de lugar pelo título terminar antes da volta de apresentação, abandonando a prova. Com o ponto extra conquistado por Padron devido a pole position, o piloto de São Caetano do Sul sagrava-se campeão antes mesmo da largada – porém não tinha essa informação por desconhecer sobre o abandono do piloto que disputava o título contigo.

Na largada, Padron mantém a ponta mas sofre forte pressão de Tubino; os jovens Matheus Muniz (TJ Motors) e Marcelo Costa (Ascot Racing) abandonam depois de se tocaram ainda na largada.

Largando na segunda colocação, Luan Giraldi (Cacá Racing) perdera a posição para Tubino na largada, mas não deixava o carioca escapar, e já na quarta volta ultrapassaria o piloto da San Racing ficando a apenas 0s195 do líder. Padron conseguiria abrir a vantagem de 0s457 em relação à Giraldi no sétimo giro, mas uma volta depois rodaria devido a óleo na pista, caindo para a segunda colocação.

Tubino e Giraldi travariam até o fim da prova uma bela disputa pelo vitória, alternando a liderança; nos últimos metros para a bandeira quadriculada, Giraldi rasga a reta dos boxes de Interlagos na frente, Tubino coloca de lado e vence com apenas 0s186 de vantagem em relação ao piloto de Serra Negra.

Emilio Padron termina na terceira colocação ficando com o título de 2014 da categoria; William Daulision (DR Preparações) cruza na quarta colocação seguido por Luiz Menezes Jr. (San Race) que depois de realizar corridas muito boas com pódios em outros circuitos, enfim sobe ao pódio em Interlagos fechando a temporada com chave de ouro. Glaucio Doreto (TJ Motors) fecha o pódio com ótima recuperação após largar na 11ª colocação e ainda rodar na terceira volta após tocar na briga por posições na pista.

Estreante, Gabriel Lusquiños (TJ Motors) é outro jovem piloto que sai do kart para seguir carreira tendo a F1600 como passo importante no aprimoramento: largando em 15º lugar o piloto fez uma corrida constante recebendo a bandeira quadriculada em 7º lugar em seu primeiro contato com o carro, mostrando que em 2015 (onde já está confirmado) dará muito trabalho aos “veteranos” da categoria.

Tubino não escondia a felicidade em vencer pela primeira vez na temporada 2014 do Campeonato Paulista de F1600: “Foi um final de semana muito difícil: tivemos uma quebra, minha equipe San Race trabalhou a madrugada inteira para me entregar um equipamento competitivo novamente. Essa vitória é deles com certeza”, finalizou o vencedor da prova.

A temporada 2014 da Fórmula 1600 termina com Padron somando 115 pontos contra 102 de Ebel e 73 de Doreto; mesmo sem participar das três últimas etapas, Flavio Matheus fechou o campeonato em quarto lugar com 59 pontos, dois a mais do que Eduardo Dias que fechou os cinco primeiros colocados.

Confira o resultado final da prova:

1) João Tubino (San Race) – 12 voltas em 24min35s061
2) Luan Giraldi (Cacá Racing) à 0s186
3) Emilio Padron (EF Preparações) à 7s673
4) Willian Daulisio (DR Preparações) à 19s185
5) Luiz Menezes Jr. (San Race) à 34s230
6) Glaucio Doreto (TJ Motors) à 49s389
7) Gabriel Lusquiños (TJ Motors) à 50s775
8) Eduardo Dias (San Race) à 51s105
9) Lore de Mar (San Race) à 1min30s029
10) Danilo Mioto (San Race) à 1min51s310
11) Alexandre Bonilha (TJ Motors) à 2min23s514

Não completaram:
Eduardo Leão (Della Barba) à 8 voltas
Thiago Felippe (Thomaz Racing) à 7 voltas
Ricardo Mangolini (Cacá Racing) à 6 voltas
Luciano Righi (Cacá Racing) à 5 voltas
Thomaz Soubihe à 4 voltas
Willian Daulisio Jr. (DR Preparações) à 3 voltas
Matheus Muniz (TJ Motors)
Marcelo Costa (Ascot Racing)

Melhor volta: Luan Giraldi (Cacá Racing) na 4ª volta em 2min00s982 (média de 126,197 km/h)

A F1600 conta com o apoio da STP, FuelTech, Metal Horse, Lotse, MOTUL, Crestana e Alpie Escola de Pilotagem.

Para maiores informações acesse: www.f1600.com.br ou através do Facebook (www.facebook.com/f1600BR).

Sobre Vitor Garcia

Categoria de automobilismo F1600 Brasil no Autódromo de Interlagos em São Paulo. Corridas emocionantes e chegadas espetaculares em carros de Fórmula!
«
Próxima
Postagem mais recente
»
Anterior
Postagem mais antiga